segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Feliz Natal!


terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Metas Curriculares

     Página do Ministério da Educação e Ciência sobre as Metas Curriculares. »»»

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Prémio Pessoa 2013


     Maria Manuel Mota, 42 anos, investigadora do Instituto de Medicina Molecular e uma das maiores especialistas mundiais no campo do estudo da malária, foi galardoada com o Prémio Pessoa 2013.
     Natural do Porto, onde nasceu em abril de 1971, aí se licenciou em Biologia, tendo, posteriormente, prosseguido os seus estudos em Inglaterra, onde obteve o doutoramento em Parasitologia molecular, e nos Estados Unidos, no New York Medical Center, instituição em que realizou o pós-doutoramento.
     O Prémio Pessoa é uma iniciativa conjunta do jornal «Expresso» e da Caixa Geral de Depósitos, tem um valor pecuniário de 60 mil euros e visa destacar personalidades das áreas das Artes, Ciência e Cultura que se tenham destacado no último ano.

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Exame de Português 6.º ano 2014 - Matriz

terça-feira, 26 de novembro de 2013

'A Cegonha e a Tartaruga' (IX)

            Passado algum tempo, a Cegonha fez uma visita à Tartaruga e convidou-a para viajar com ela. A Tartaruga aceitou e empoleirou-se sobre a bela Cegonha.
        Voaram, voaram até que a Cegonha disse com uma voz entusiasmada que, ali ao lado, estava a Floresta Amazónia. A tartaruga pediu para visitar a impressionante floresta.
        Tinha muitas árvores gigantes, pássaros de encantar como o Tucano, com o seu bico gigante, o papagaio todo vaidoso com as suas penas coloridas, entre outros… Comeram a deliciosa manga, beberam o saboroso leite de coco e provaram o rei dos frutos, o ananás.
        Saindo da floresta, foram parar a África onde viram o grandioso leão e visitaram os maravilhosos desertos.
        De seguida, foram até à Índia onde andaram nos espantosos elefantes e provaram o delicioso chá indiano. Foram logo dar um mergulho ao Oceano Índico onde encontraram os tubarões de dentes afiados.
        A Tartaruga propôs-lhe que fossem até Paris onde encontraram a grande Torre Eiffel e comeram o queijo Camambert. A Cegonha disse que já estava cansada, mas ainda tinha de levar a Tartaruga a 2 sítios. O 1.º era a Nova Iorque, onde viram a estátua da liberdade e o segundo sítio foi Lisboa, onde viram o magnífico Padrão dos Descobrimentos e saborearam delicioso marisco.
        De regresso a casa, a Tartaruga disse que se sentia alegre, pois nunca tinha visto tantas maravilhas.
                                                                              Bia Santos 5.º B


'A Cegonha e a Tartaruga' (VIII)


Dia Internacional dos Direitos da Criança


          Para comemorar o Dia Internacional dos Direitos da Criança, as professoras responsáveis pela BE e pelo Clube de História levaram a cabo uma sessão na biblioteca escolar da escola n.º 2 do Agrupamento de Escolas de Figueira de Castelo Rodrigo, no dia 20 de novembro de 2013, pelas 14h30m, na qual participaram 15 alunos e onde as docentes apresentaram as seguintes atividades:
  Leitura do livro Uma Aventura na Terra dos Direitos;
  Visionamento de um powerpoint;
  Jogo da Glória.
            Com esta atividade e como a escola não é apenas um lugar para adquirir conhecimento, mas também um espaço de educação para a vida, pretendeu-se incutir nas crianças a noção do exercício pleno dos seus direitos e do respeito pelos seus deveres. O primeiro é o resultado de um aumento de autonomia e responsabilização, que se realiza por meio de atividades diversificadas. A melhor conceção de educação é aquela que promove o pleno desenvolvimento da personalidade da criança e do jovem, para o preparar para assumir o seu lugar na sociedade como cidadão livre e responsável, exigindo, em contrapartida, uma atitude cívica exemplar, no respeito pelos outros, crianças ou adultos, de qualquer condição, cor e religião.
            Os seus direitos e os seus deveres foram trabalhados através da leitura do livro, do visionamento do powerpoint e ainda do jogo da Glória, onde foram colocadas questões sobre o que tinham aprendido anteriormente.
            Também se fez um pequeno debate para troca de ideias, onde os alunos se mostraram muito interessados e que decorreu de uma forma ordeira e organizada.
            O professor João Vaz foi convidado para esta comemoração, na qual participou como júri no jogo da Glória.

'A Cegonha e a Tartaruga' (VII)


'A Cegonha e a Tartaruga' (VI)


'A Cegonha e a Tartaruga' (V)


'A Cegonha e a Tartaruga' (IV)


'A Cegonha e a Tartaruga' (III)


'A Cegonha e a Tartaruga' (II)


'A Cegonha e a Tartaruga' (I)


terça-feira, 19 de novembro de 2013

«Reino das Leituras»


Vida e Obra de Maria Judite de Carvalho

domingo, 17 de novembro de 2013

O nascimento de um livro

Doris Lessing parte aos 94 anos

     A escritora Doris Lessing, de nacionalidade britânica, Prémio Nobel da Literatura, faleceu hoje, aos 94 anos, na sua casa, em Londres.
     A autora recebeu o galardão máximo da literatura em 2007, quando contava já 87 anos, tendo-se tornado a mulher mais velha a ser contemplada com ele.
     Aquando da atribuição do prémio, a Academia Sueca descreveu-a como «um exemplar de experiência feminina que, com ceticismo, fogo e poder visionário, sujeito uma civilização ao escrutínio».
     Dentre a sua vasta obra, constituída por mais de 50 romances, que vão desde a autobiografia à ficção científica, destacam-se Filhos da Violência, O Quinto Filho, A Boa Terrorista (1985) e A Erva Canta (1950).

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Bibliopaper 2014 - Ficha


'Não há Mapa Cor-de-Rosa', Medeiros Ferreira


     "A segurança de Portugal, como de outros países europeus, passa por um entendimento internacional sobre as «dívidas soberanas». Caso contrário assistiremos ao desmantelamento dos serviços públicos do Estado deste a Península Ibérica à Península Balcânica [...]. O maior perigo que espreita a República Portuguesa é mesmo o da alienação da sua vontade de participar, no exato momento em que os mecanismos próprios do sistema financeiro mundial e do funcionamento atual da UE tendem a anular os interesses de países como Portugal. Ora, a sociedade portuguesa só pode vencer esse desafio com uma política externa própria e ativa. E sem novas ilusões sobre qualquer Mapa Cor-de-Rosa que o prolongamento das dificuldades tem tendência a suscitar."

'O Fantasma dos Canterville'

'Halloween'


     As BE do agrupamento associaram-se às celebrações do Halloween, aproveitando o ensejo para divulgar o seu fundo documental e dedicando o mural de escrita da biblioteca da EB2 ao tema.

Dia Mundial da Alimentação

     A BE, em colaboração com os docentes da disciplina de Ciências Naturais, comemorou o Dia Mundial da Alimentação, através da construção de um mural de escrita alusivo ao tema e da promoção de diversas atividades lúdicas.
     Na escola sede, foi levada a cabo, ainda, uma exposição do fundo documental referente à temática.

III Congresso Internacional Fernando Pessoa


segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Colóquio / Homenagem a Aquilino Ribeiro


     Consultar o programa aqui. »»»

     Mais informações aqui. »»»

sábado, 9 de novembro de 2013

A antiga música grega reconstruída


     Entre os anos de 750 e 400 a. C., os Gregos Antigos compuseram música destinada a ser acompanhada pela lira e vários outros instrumentos de percussão.
     Passados mais de 2000 anos, um conjunto de académicos reconstruiu e executou alguns temas gregos dessa época, a partir de documentos datados de cerca de 450 a. C.

A 'Ilíada' lida em grego antigo

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Língua portuguesa será matéria curricular na Guiana

     O governo da República Cooperativa da Guiana decidiu que a língua portuguesa passará a figurar como matéria curricular do ensino secundário do país. Esta medida resulta do interesse que as autoridades guianenses possuem em estreitar laços com o Brasil devido ao crescente desenvolvimento da economia brasileira.
     A iniciativa vai ser desenvolvida, numa primeira fase, em cinco liceus do país, para posteriormente ser estendida, de forma progressiva, à totalidade dos centros de ensino secundário guianenses.

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Prémio José Saramago 2013


     Ondjaki, pseudónimo do escritor angolano Ndalu de Almeida, de 36 anos, venceu a oitava edição do Prémio Literário José Saramago, com o romance Os Transparentes, obra publicada em 2012 com a chancela da Editorial Caminho.

Mote (II)


Mote


(Des)Interesse pela leitura


sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Dia Europeu das Línguas na BE


terça-feira, 29 de outubro de 2013

Mês Internacional das Bibliotecas Escolares


O mês de outubro é o Mês Internacional das Bibliotecas Escolares. Para celebrar a data, a IASL (International Association of School Librarianship), propôs, como habitualmente, um tema aglutinador: Biblioteca escolar: uma porta para a vida.
No âmbito deste evento internacional, na biblioteca da escola secundária, realizámos um bibliopaper com as turmas do 7.º ano e com o CEF PP 1.º ano, para dar a conhecer a biblioteca escolar.
Na EB2 foi também dada a conhecer a biblioteca escolar aos alunos dos 4.º e 5.º anos, através da leitura da fábula "A cegonha e a tartaruga", presente no livro Três Fábulas de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada. Após a análise da fábula, os alunos do 4.º ano realizaram uma atividade de escrita para dar continuidade à história da fábula; os do 5.º ano fizeram o reconto da história e elaboraram poemas. Na escola do 2.º ciclo, a referida atividade contou com a colaboração dos docentes titulares das turmas e dos de Português de 5.º ano, que, nas suas aulas, elaboraram textos escritos alusivos ao tema da fábula supracitada.
A Equipa Pedagógica da Biblioteca Escolar agradece a colaboração dos alunos e dos docentes que permitiram a realização de todas as atividades, tendo brindado os participantes com um marcador de leitura, elaborado pela referida equipa.

'Para um amigo tenho sempre um relógio'

Para um amigo tenho sempre um relógio
esquecido em qualquer fundo de algibeira.
Mas esse relógio não marca o tempo inútil.
São restos de tabaco e ternura rápida.
É um arco-íris de sombra, quente e trémulo.
É um copo de vinho com o meu sangue e o sol.

                                                 António Ramos Rosa

Prémio Nobel de Literatura 2013


     Alice Munro foi a contemplada pela Academia Sueca com o Nobel da Literatura de 2013, por ser «master of the contemporary short story».

Prémio LeYa 2013


     Gabriela Ruivo Trindade, 43 anos, emigrante portuguesa em Londres, desempregada, foi a vencedora do Prémio LeYa, com o romance Uma Outra Voz, a editar em 2014.

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

'Astérix entre os Pictos'


     Foi lançada hoje a 35.ª aventura de Astérix, concretamente Astérix entre os Pictos, em Portugal e mais 33 países.
     Esta nova obra é a primeira cuja autoria não pertence a nenhum dos criadores do herói gaulês - Goscinny e Uderzo. De facto, o álbum é assinado por Didier Conrad (ilustrações) e Jean-Yves Ferri (argumento).
     Desta vez, Astérix e Obélix viajam até ao território dos Pictos, povos da antiga Escócia conhecidos pelas suas superiores qualidades guerreiras e pelos seus múltiplos clãs e cujo nome, atribuído pelos Romanos, significa «homens pintados».

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Clube de Leitura 2013-2014


Clube de Leitura - Calendarização


terça-feira, 1 de outubro de 2013

Outubro, mês das Bibliotecas Escolares


terça-feira, 24 de setembro de 2013

Adivinha

     Pode ser leve, mas pesa muito.

     O que é?

Enigma de setembro

Estêvão é um aluno hiperativo, famoso pela sua excentricidade.

Na aula, rasgou do livro as páginas 6, 7, 84, 111 e 112.

No total, quantas folhas do livro ficaram estragadas?

"Não posso adiar o amor"

Não posso adiar o amor para outro século
não posso
ainda que o grito sufoque na garganta
ainda que o ódio estale e crepite e arda
sob montanhas cinzentas
e montanhas cinzentas

Não posso adiar este abraço
que é uma arma de dois gumes
amor e ódio

Não posso adiar
ainda que a noite pese séculos sobre as costas
e a aurora indecisa demore
não posso adiar para outro século a minha vida
nem o meu amor
nem o meu grito de libertação

Não posso adiar o coração

                                                  António Ramos Rosa, Viagem através de uma Nubelosa

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Quem sou eu?

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Recital 'Sermão de Santo António aos Peixes'


. Local: Teatro Comuna - Café Concerto.

. Datas: 1 a 15 de outubro, de quarta a sexta-feira

. Horário:
          - Quarta-feira: 15 horas;
          - Quinta-feira: 11 e 15 horas;
          - Sexta-feira: 11 e 15 horas.

. Bilhetes:
          - alunos e professores: 5 euros;
          - 31 de outubro, 1 e 2 de novembro: entradas gratuitas.

. Contacto: Glória Cheio - gcheio@ace-tb.com.

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Biblioteca de Astor (1854)


     O que pretende satirizar este cartune?

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Como elaborar um trabalho de pesquisa


* * * * * * * * * *

ETAPAS A SEGUIR PARA REALIZAR UM TRABALHO DE PESQUISA
Como pesquisar e tratar informação pesquisada?
Como e por onde começar? Onde encontrar a informação necessária? O que fazer com essa informação? Como organizar e apresentar a informação?
Com este guia pretendemos ensinar a resolver os problemas de informação, utilizando um modelo em seis etapas, que normalmente se designa de Modelo Big 6 (as seis grandes).

Etapas fundamentais para uma pesquisa bem sucedida:

1.ª Etapa – Tarefa a realizar
• O que quero fazer? Investigar?
• O que sei sobre o tema?
• O que quero saber?
Faço uma lista de perguntas.

2.ª Etapa ‑ Fontes a consultar
• Que fontes vou consultar para encontrar a informação?
• Onde posso encontrar essas fontes?
• Quem me pode ajudar a encontrá-las?
Decido as fontes e faço a pesquisa.

3.ª Etapa – Acesso à informação
• Seleciono as informações de que preciso.
• Anoto as fontes onde as encontrei.

4.ª Etapa — Utilização da informação
 • Leio a informação que encontrei.
Tiro notas do que li e refiro a fonte usada

5.ª Etapa ‑ Tratamento da informação
• Analiso a informação que registei.
• Organizo a informação.
• Faço uma lista dos tópicos mais importantes.
Escrevo por palavras minhas, reunindo toda a informação pesquisada.

6.ª Etapa – Avaliação
• Segui estas etapas?
• A informação que encontrei responde às perguntas da etapa 1?
• Citei corretamente as minhas fontes e usei textos meus e não copiados?
• O meu trabalho está bem organizado e apresentado?
• O meu trabalho está completo e incluí títulos, nome, data, etc.?
• O meu trabalho está pronto a ser apresentado ou posso ainda melhorá-lo?
Faço as alterações necessárias.

Bom trabalho!

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Terramoto de Lisboa de 1755


     «Às 9h30 da manhã do dia 1 de Novembro de 1755, dia de Todos-os-Santos, Portugal foi assolado por uma das maiores catástrofes até hoje sofridas.O forte terramoto, seguido de um maremoto atingiu principalmente a cidade de Lisboa, e a costa marítima a sul. 
     Lisboa ficou praticamente destruída pelo sismo e pelos múltiplos incêndios que se propagaram pela cidade.
     O trágico acontecimento foi divulgado por todo o mundo conhecido. »

     Para saber mais sobre este acontecimento, clicar aqui. »»»

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Bíblia em banda desenhada


     Vai ser publicada nos Estados Unidos uma versão da Bíblia em banda desenhada, repartida por 2 000 páginas, repartidas por 12 volumes, numa edição da Kingstone.
     De acordo com a editora, a obra pretende ensinar e explicar os textos mais importantes e os temas bíblicos de um modo histórico e cronologicamente.

     Saber mais aqui.

Obras de Urbano Tavares Rodrigues

I. Romance

1961 ‑ Os Insubmissos
1962 ‑ Exílio Perturbado
1966 ‑ Imitação da Felicidade
1967 ‑ Despedidas de Verão
1968 ‑ Tempo de Cinzas
1969 ‑ Horas Perdidas
1974 ‑ Dissolução
1979 ‑ Desta Água Beberei
1986 ‑ A Vaga de Calor
1989 ‑ Filipa nesse Dia
1991 ‑ Violeta e a Noite
1993 – Deriva
1995 ‑ A Hora da Incerteza
1997 ‑ O Ouro e o Sonho
1998 ‑ O Adeus à Brisa
2000 ‑ O Supremo Interdito
2002 ‑ Nunca Diremos quem sois
2005 ‑ O Eterno Efémero
2006 ‑ Ao contrário das Ondas
2007 ‑ Os Cadernos Secretos do Prior do Crato


II. Novelas

1955 ‑ Vida Perigosa
1956 ‑ A Noite Roxa
1957 ‑ Uma Pedrada no Charco
1959 ‑ As Aves da Madrugada
1960 ‑ Nus e Suplicantes
1963 ‑ As Máscaras Finais
1964 ‑ Terra Ocupada
1964 ‑ A Samarra
1968 ‑ Casa de Correção
1972 ‑ A Impossível Evasão
1999 ‑ O Último Dia e o Primeiro


III. Contos

1970 ‑ Contos da Solidão
1977 ‑ Estórias Alentejanas
2003 ‑ A Estação Dourada
2008 ‑ A Última Colina


IV. Contos e Novelas

1952 ‑ A Porta dos Limites
1959 ‑ Bastardos do Sol
1971 ‑ Estrada de Morrer
1976 ‑ Viamorolência
1977 ‑ As Pombas são Vermelhas
1985 ‑ Oceano Oblíquo


V. Teatro

1971 ‑ As Torres Milenárias


VI. Ficção

1972 ‑ Esta Estranha Lisboa
1982 ‑ Fuga Imóvel
1986 ‑ A Vaga de Calor


VII. Crónicas

1970 ‑ A Palma da Mão
1971 ‑ Deserto com Vozes
1974 ‑ As Grades e os Rio
2003 ‑ God Bless América


VIII. Viagens

1949 ‑ Santiago de Compostela
1956 ‑ Jornadas no Oriente
1958 ‑ Jornadas na Europa
1963 ‑ De Florença a Nova Iorque
1973 ‑ Viagem à União Soviética e Outras Páginas
1973 ‑ Redescoberta da França
1976 ‑ Registos de Outono Quente
1999 ‑ Agosto no Cairo: 1956


IX. Ensaios

1950 ‑ Manuel Teixeira Gomes
1954 ‑ Présentation de Castro Alves
1958 ‑ O Tema da Morte na Moderna Poesia Portuguesa
1960 ‑ O Mito de Don Juan
1960 ‑ Teixeira Gomes e a Reação Antinaturalista
1961 ‑ Noites de Teatro
1962 ‑ O Algarve na Obra de Teixeira Gomes
1964 ‑ O Romance Francês Contemporâneo
1966 ‑ Realismo, Arte de Vanguarda e Nova Cultura
1966 ‑ O Tema da Morte: Ensaios
1968 ‑ A Saudade na Poesia Portuguesa
1969 ‑ Escritos Temporais
1971 ‑ Ensaios de Escreviver
1977 ‑ Ensaios de Após-Abril
1980 ‑ O Gosto de Ler
1981 ‑ Um Novo Olhar sobre o Neorrealismo
1984 ‑ Manuel Teixeira Gomes: O Discurso do Desejo
1993 ‑ A Horas e Desoras
1994 ‑ Tradição e rutura
1995 ‑ O Homem sem Imagem
2001 ‑ O Texto sobre o Texto
2003 ‑ A Flor da Utopia
2005 ‑ O Mito de D. Juan e Outros Ensaios de Escreviver
2011 ‑ A Natureza do Ato Criador


X. Texto e Fotografia

1996 ‑ A Luz da Cal
1998 ‑ Margem da Ausência


XI. Antologia

1958 ‑ O Alentejo
1968 ‑ A Estremadura
2003 ‑ O Algarve em Poemas


XII. Outros

1962 ‑ Uma Noite e Nunca
1964 ‑ A Masmorra
1965 ‑ Dias Lamacentos
1966 ‑ Roteiro de Emergência
1969 ‑ Escritos Temporais
1974 ‑ Perdas e Danos
1975 ‑ Diário da Ausência
1975 ‑ Palavras de Combate
1975 ‑ Uma Etapa da Revolução
1978 ‑ Reflexões sobre Três Sonetos de Camilo Pessanha : a Estátua, a "Vénus morta"
1981 ‑ Demonstração e Projeção, Intenções e Fantasmas em "La nausée”
1983 ‑ Roger Vailland e "Les liaisons Dangereuses"
1985 ‑ Luandino Vieira : uma Língua de Autor
1996 ‑ Os Tempos e os Lugares na Obra Lírica, Épica e Narrativa de Manuel Alegre
1998 ‑ Os Campos da Promessa
2005 ‑ Carnaval Negro e Outros Contos
2005 ‑ A Obra Literária de Álvaro Cunhal-Manuel Tiago
2005 ‑ Rostos da Índia e Alguns Sonhos
2012 ‑ Escutando o Rumor da Vida

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Novo Astérix


     A saga do gaulês Astérix e seus amigos vai prosseguir no próximo dia 24 de outubro quando for publicado o 35.º volume da coleção, com o título de Astérix entre os Pictos.

domingo, 11 de agosto de 2013

Chuva de estrelas

Chuva de cometas Perseidas
em 12 de agosto de 2008, em Nevada,
EUA (Getty Images/AFP, Ethan Miller)

     Portugal assistirá hoje e amanhã a uma chuva de estrelas de grande intensidade, as 'Perseiades', com origem no cometa Swift-Tuttle.
     No total, estamos a falar de 90 a 110 meteoros por hora, visíveis a olho nu. O pico de atividade ocorrerá na segunda-feira, a partir das 22 horas.
     Para saber mais, clicar aqui. >>>

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Faleceu Urbano Tavares Rodrigues


     Urbano Tavares Rodrigues nasceu em Lisboa, a 6 de dezembro de 1923, filho mais velho de uma família de proprietários rurais de Moura, localidade onde fez a instrução primária. Daí transitou para Lisboa, onde frequentou o Liceu Camões.
     Rebelde e contestatário, obrigado a pertencer à Mocidade Portuguesa, iniciou a sua atividade de contestação ao Estado Novo aquando da entrada para a Faculdade de Direito, curso que acabou por abandonar para estudar Letras em 1944. A oposição ao regime valeu-lhe, ao longo dos anos, perseguições políticas, a prisão em Caxias, de onde acabou por fugir, e o exílio.
     Militante do Partido Comunista Português, do qual foi dirigente do setor intelectual, teve por referência moral e política a figura de Álvaro Cunhal, mas tal não condicionou o seu pensamento nem a atividade literária.
     A sua vasta obra, composta por quase 90 títulos, espraiou-se por vários registos, desde o polícial ao erótico, focada em temas como o amor, a mulher e a sua beleza, o erotismo, as desigualdades sociais, a passagem do tempo e a morte.
     Além de escritor e ativista político, Tavares Rodrigues alargou a sua área de intervenção ao jornalismo, à crítica literária e ao ensino.

terça-feira, 30 de julho de 2013

Pessoa Plural n.º 3



     Já está disponível a terceira edição da Plural, a revista digital de estudos sobre Fernando Pessoa.

     O seu download gratuito pode ser feito aqui >>.

Livros portugueses à venda na Google Play


     Já se encontram à venda livros digitais em português na Google Play. Dentre as diversas obras que constituem o catálogo, destaque para as clássicas, como Os Lusíadas, que é disponibilizada gratuitamente.
     Os livros podem ser lidos tanto em computadores como em dispositivos móveis.

     Aqui fica a ligação para o catálogo >>.

segunda-feira, 24 de junho de 2013

Agualusa vence prémio Manuel António Pina


     O escritor angolano José Eduardo Agualusa foi o vencedor da primeira edição do Prémio Manuel António Pina, criado pela Tcharan para distinguir obras da literatura infantil e juvenil, com A Rainha dos Estapafúrdios.
     Ilustrado por Danuta Wojciechowska e editado pela D. Quixote, o livro, uma recriação de um conto tradicional africano, narra as aventuras da perdigota Ana, uma pequena perdiz cinzenta, irrequieta e curiosa que procura uma plumagem mais colorida do que aquela que a natureza lhe concedeu ao nascer. "Sozinha, engana uma hiena esfomeada, enfrenta um leão feroz e transforma-se numa rainha da savana".

sexta-feira, 21 de junho de 2013

"O Dia em que o mar desapareceu"


3.ºB

"O Dia em que o mar desapareceu"


1.º A

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Sape gato lambareiro

            Os alunos do 6.º C, a partir do mote «Sape gato lambareiro», produziram, na aula de Português, um poema coletivo, tendo cada um contribuído com dois versos de sua autoria.
            Eis o resultado final:

                    Sape gato matreiro,
                    não sejas caseiro.
                    Sape gato guloso,
                    Não sejas luxuoso.
                    Sape gato atrapalhado,
                    tira a mão do meu cunhado.
                    Sape gato comilão,
                    não comas melão.
                    Sape gato gulosos,
                    não estejas no gozo.
                    Sape gato lamaceiro,
                    não comas tudo do açucareiro.
                    Sape gato porcalhão,
                    estás sempre a sujar o chão.
                    Sape gato poeta,
                    vai sempre à biblioteca.
                    Sape gato gatão,
                    não me comas o pão.
                    Sape gato comilão,
                    não metas a mão no chão.
                    Sape gato bonitinho,
                    não sejas sujinho.
                    Sape gato borralheiro,
                    tira a pata do açucareiro.
                    Sape gato jornalista,
                    nunca sejas portista.
                    Sape gato manhoso,
                    não sejas muito guloso.
                    Sape gato comilão,
                    come queijo e não pão.
                    Sape gata bonitinha,
                    saíste mesmo à tua madrinha.
                    Sape gato benfiquista,
                    vai já ser portista.
6.º C

Correção do exame de Português 9.º ano - 2013

     Os critérios podem ser encontrados neste link.

Correção do Exame de Português 2013 - 6.º ano

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Parabéns, Garfield!


     Garfield, o gato preguiçoso, sarcástico e comilão, celebra hoje o seu 35.º aniversário, certamente com a sua comida preferida: pizza e lasanha.
     Esta personagem, que passa a vida a comer, a dormir e a infernizar a vida do dono, John Arbuckle, foi criada pelo autor norte-americano Jim Davis, que publicou a primeira tira de banda desenhada, a 19 de junho de 1978, em 41 jornais.
     A popularidade este gato laranja foi crescendo ao longo do tempo, de tal modo que, além de surgir em mais de 2 500 jornais de todo o mundo, esteve na génese de filmes, séries de televisão, jogos de computador e dezenas de produtos de índole diversa.

quarta-feira, 12 de junho de 2013

Inédito de Eça de Queirós

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Voz ativa e passiva

1. Observa as frases dadas, que se encontram na forma / voz ativa.
a) O Fabiano marcou um grande golo.
b) O Zé efetuou uma extraordinária defesa.
c) A Marisa emprestará o caderno diário às colegas.
d) A Lili realiza sempre os trabalhos de casa.
e) A Cláudia oferece um presente de aniversário à Susana todos os anos.
f) O André disse uma mentira à mãe.
g) A Cátia comeu o pastel de nata durante a aula.
h) A Joana faz várias intervenções nas aulas de Português.
i) A minha esposa consultou o médico ontem.
j) Eu quase esquecia a Marisa neste exercício.

1.1. Coloca-as na forma passiva.

2. Observa, agora, as frases seguintes.
a) A tartaruga do meu vizinho foi atropelada pela ambulância.
b) Uma canção era dedicada pelo Marco Paulo à Anita.
c) O estojo do professor fora surripiado pelo Malaquias.
d) A Terra será destruída pela ação do homem.
e) Os parabéns são cantados pelo Ernesto à namorada.
f) A carrinha dos gelados foi assaltada pelos bandidos.
g) O iogurte é comido pelo gato do Antunes.
h) A roupa será passada pela empregada.

2.1. Coloca-as na forma passiva.

* * * * * * * * * *
Correção

1.1.
a) Um grande golo foi marcado pelo Fabiano.
b) Uma extraordinária defesa foi efetuada pelo Zé.
c) O caderno diário será emprestado pela Marisa às colegas.
d) Os trabalhos de casa são sempre realizados pela Lili.
e) Um presente de aniversário é oferecido à Susana pela Cláudia todos os anos.
f) Uma mentira foi dita pelo André à mãe.
g) O pastel de nata foi comido pela Cátia durante a aula.
h) Várias intervenções são feitas pela Joana na aula de Português.
i) O médico foi consultado ontem pela minha esposa.
j) A Maria quase era esquecida por mim neste exercício.

2.1.
a) A ambulância atropelou a tartaruga do meu vizinho.
b) O Marco Paulo dedicava uma canção à Anita.
c) O Malaquias surripiara o estojo do professor.
d) A ação do homem destruirá a Terra.
e) O Ernesto canta os parabéns à namorada.
f) Os bandidos assaltaram a carrinha dos gelados.
g) O gato do Antunes come o gelado.
h) A empregada passará a roupa.

Pronominalização II

1. Reescreve as frases, substituindo os grupos sublinhados pelos pronomes pessoais adequados.
a) A Rita viu a Lúcia no concerto.
b) A Bia reencontrou os primos.
c) O Vlad vai comprar uma tartaruga.
d) O André e a Diana realizaram o trabalho de casa.
e) A Carina, finalmente, fez o trabalho de casa.
f) Cumpram sempre as ordens dos professores.

2. Realiza exercício semelhante ao do item 1. com as frases seguintes.
a) Inês, empresta um lenço ao Bruno.
b) Os alunos contaram o episódio à diretora de turma.
c) Pedro, passa a bola ao João.
d) A Ana Rita e a Raquel agradeceram o apoio aos colegas.

3. Rescreve as frases dadas, substituindo os grupos destacados asublinhados pelo pronome pessoal correspondente, conforme o exemplo.
a) Traz-me o PIT amanhã. » Traz-mo amanhã.
b) Dou-te um sopapo se copiares no teste.
c) Ofereço-lhe flores no aniversário.
d) Deem-nos um motivo de orgulho.
e) Empresto-vos os materiais durante as férias de verão.
f) Compro-lhes os jornais diariamente.

4. Reescreve as frases, substituindo os grupos sublinhados por um pronome pessoal, segundo o exemplo.
a) Eu descobrirei as vossas cábulas num esfregar de olhos. = Eu descobri-las-ei num esfregar de olhos.
b) Tu darás essa boneca à tua prima.
c) A Lara informará os colegas sobre estes exercícios.
d) Nós escutaremos o relato na rádio.
e) Vós encontrareis o rumo da vossa vida mais tarde.
f) O André e o irmão farão uma comunicação importante à família.

5. Reescreve as frases, substituindo os grupos sublinhados por um pronome pessoal, conforme o exemplo.
a) Eu ganharia o Euromilhões se apostasse. = Eu ganhá-lo-ia se jogasse.
b) Tu compreenderias a matéria se estivesses atento e estudasses.
c) Ele ouviria o discurso se o pai deixasse.
d) Nós faríamos uma festa se o Benfica tivesse sido campeão.
e) Vós conheceríeis a minha avó se ela não tivesse sido atropelada.
f) A Cátia, a Maria e o Fábio visitariam a amiga se tivessem tempo.



Correção

1.
a) A Rita viu-a no concerto.
b) A Bia reencontrou-os.
c) O Vlad vai comprá-la.
d) O André e a Diana realizaram-no.
e) A Carina, finalmente, fê-lo.
f) Cumpram-nas sempre.

2.
a) Inês, empresta-lhe um lenço.
b) Os alunos contaram-lhe o episódio.
c) Pedro, passa-lhe a bola.
d) A Ana Rita e a Raquel agradeceram-lhes o apoio.

3.
b) Dou-to se copiares no teste.
c) Ofereço-lhas no aniversário.
d) Deem-no-lo.
e) Empresto-vo-los durante as férias de verão.
f) Compro-lhos diariamente.

4.
b) Tu dá-la-ás à tua prima.
c) A Lara informá-los-á sobre estes exercícios.
d) Nós escutá-lo-emos na rádio.
e) Vós encontrá-lo-eis mais tarde.
f) O André e o irmão fá-la-ão.

5.
b) Tu compreendê-la-ias se estivesses atento e estudasses.
c) Ele ouvi-lo-ia se o pai deixasse.
d) Nós fá-la-íamos se o Benfica tivesse sido campeão.
e) Vós conhecê-la-íeis se ela não tivesse sido atropelado.
f) A Cátia, a Maria e o Fábio visitá-la-iam se tivessem tempo.